UFC Divulga lista com os 32 participantes do TUF Brasil 3

Publicado em 27/02/2014
Imagem do Artigo UFC Divulga lista com os 32 participantes do TUF Brasil 3

Markus Perez Echeimberg “Maluko”, que lutou e venceu no 1º Desafio Revista Pegada, Marcos Rogério de Lima “Pezão” e Ricardo Abreu “Demente” são os destaques de São Paulo.

O Ultimate Fighting Championship® (UFC®) anunciou nesta quarta-feira, dia 26, os nomes dos 32 pesos médios e pesos pesados selecionados para competir na terceira temporada brasileira de seu reality show, The Ultimate Fighter®. Nos dois primeiros episódios do programa, que retorna à tela da Rede Globo no dia 9 de março, os atletas de cada categoria irão lutar entre si em batalhas eliminatórias. Apenas os 16 vitoriosos irão se mudar para a casa do The Ultimate Fighter®, onde permanecerão confinados por 10 semanas, treinando juntos e se enfrentando a cada episódio. O vencedor de cada divisão de peso ganha um contrato com o UFC e o cobiçado título de Ultimate Fighter.
Uma vez na casa, os lutadores serão divididos em duas equipes de oito, lideradas pelos ícones do UFC e inimigos declarados Wanderlei Silva e Chael Sonnen. Os técnicos terão a ajuda de suas equipes de treinadores auxiliares e, em uma inovação em relação às edições anteriores, contarão também com o reforço das campeãs mundiais Isabel Salgado (vôlei de praia) e Hortência Marcari (basquete), respectivamente. Semanalmente, os atletas de cada categoria irão se enfrentar no octógono e determinar quem avança na competição. Os dois finalistas de cada divisão irão lutar em um evento ao vivo do UFC no Brasil, dia 31 de maio, que trará também a aguardada batalha entre Sonnen e Wanderlei.
Os competidores que aparecem nos primeiros dois episódios do The Ultimate Fighter® Brasil 3 são:

Pesados:

  • Alexandre Machado “Bebezão” (6-1-0), 30, Niterói, RJ
  • Antonio Carlos Junior “Cara de Sapato” (3-0-0), 23, João Pessoa, PB
  • Antonio Paulo Branjão “Montanha” (3-0-0), 25, Ubá, MG
  • Bruno Silva “Blindado” (9-4-0), 24, João Pessoa, PB
  • Edgar Castaldelli Filho “Magrão” (12-4-0), 34, Rio de Janeiro, RJ
  • Everton Rocha “Gigante” (3-1-0), 31, Rio de Janeiro, RJ
  • Felipe Diego Dantas de Oliveira “Monstro” (6-0-0), 31, Natal, RN
  • Fernando Camolês (4-1-0), 27, São Caetano do Sul, SP
  • Gonçalo Salgado (7-2-0), 33, Portugal
  • Guilherme Viana (4-1-0), 27, Porto Alegre, RS
  • Job Kleber Melo “Cabo Job” (3-1-0), 34, Rio de Janeiro, RJ
  • Jollyson Francisco Sosaleta (2-0-2), 30, Recife, PE
  • Marcos Rogério de Lima “Pezão” (11-2-1), 28, São Paulo, SP
  • Richardson Moreira (7-1-0), 29, Campinas, SP
  • Thiago Santos “Big Monster” (11-3-1), 26, Rio de Janeiro, RJ
  • Vitor Miranda “Lex Luthor”, (9-3-0), 34, Joinville, SC

Médios:

  • Cristiano Ribeiro Lopes Pontes “Ferrugem” (4-1-0), 34, Rio de Janeiro, RJ
  • Douglas Moura Silva (3-1-0), 29, Rio de Janeiro, RJ
  • Giuliano Brescianini Arante (5-1-0), 29, Campo Grande, MS
  • Guilherme Vasconcelos “Bomba” (3-1-0), 27, Belo Horizonte, MG
  • Ismael de Jesus “Marmota” (9-4-1), 33, Goiânia, GO
  • Joilton Santos “The Peregrino” (9-2-1), 21, Campina Grande, PB
  • José Roberto Rocha “Negão” (5-0-0), 26, Ubá, MG
  • Marcio Alexandre Junior “Lyoto” (12-0-0), 24, Florianópolis, SC
  • Markus Perez Echeimberg “Maluko” (3-0-0), 24, São Paulo, SP
  • Paulo Henrique Costa “Borrachinha” (3-0-0), 22, Belo Horizonte, MG
  • Pedro Paulino “Vinagre” (3-0-0), 29, Corumbá, MS
  • Ricardo Abreu “Demente” (4-0-0), 29, São Paulo, SP
  • Wagner Silva Gomes “Wagnão” (3-0-0), 26, Viçosa, MG
  • Warlley Alves de Andrade (6-0-0), 22, Governador Valadares, MG
  • Wendell Oliveira Marques “War Machine Negão” (23-7-0), 31, Rio de Janeiro, RJ
  • Willian Steindorf (3-0-0), 26, Porto Alegre, RS

Os 32 participantes foram escolhidos a partir de centenas de candidatos que se inscreveram para a primeira etapa eliminatória do programa, realizada no Rio de Janeiro, em novembro de 2013. Com idades entre 18 e 35 anos, os candidatos passaram por análises de cartel profissional, entrevistas e exames médicos, além de testes de suas habilidades de luta em pé e no chão.
A terceira edição do The Ultimate Fighter® Brasil promete muitas surpresas e uma das maiores rivalidades entre técnicos que já passaram pelo programa.

“Eu participei das outras duas edições do The Ultimate Fighter® Brasil e posso dizer que nesta, com certeza, temos atletas diferenciados. Não tem como não se envolver com a história de vida de cada um desses caras. Quanto à convivência com o Chael Sonnen, não poderia ser diferente. Um cara que fala mal do meu país, da minha gente e depois vem dizer que é promoção não merece minha consideração e muito menos amizade. Isso vai ficar bem visível no programa”, deixou claro Wanderlei Silva.

“Meu time começou em desvantagem justamente por eu falar inglês e eles, português. Mas a força de vontade dos atletas me surpreendeu. Eles estavam sedentos por aprendizado e fizeram um ótimo trabalho. Posso dizer que Wanderlei Silva também fez seu papel, inclusive acredito que ele foi infinitamente melhor técnico do que é lutador, afinal, todos os seus bons resultados dentro do ringue foram uma grande mentira”, disse Chael Sonnen.

Produzido no Brasil pela Floresta Produções, o The Ultimate Fighter® Brasil já coroou os vencedores Rony Jason e Cezar Mutante, na primeira edição, e Leo Santos, na segunda temporada, em 2013. Nos Estados Unidos, o programa lançou as carreiras de mais de 100 lutadores e produziu campeões do UFC como Forrest Griffin, Rashad Evans e Matt Serra.

Fonte: Textual - Fotos: Divulgação

  • World Tatami
  • TV Pegada
  • Polvo Team Fight Club
  • Pro Fight MMA Brasil 41