Favela Kombat realiza edição comemorativa

Publicado em 02/10/2018
Imagem do Artigo Favela Kombat realiza edição comemorativa

A 30ª edição do Favela Kombat cumpriu a promessa de agitar a cidade de Itaboraí, Região Metropolitana do Rio de Janeiro. O evento marcou a comemoração dos seis anos da organização presidida por Claudinho FK e contou com grandes lutas para o público que lotou no último sábado (29) o Ita Music. A edição também coroou Vanilton Antunes e Aldo Pereira como campeões.
Na luta principal da noite, Vanilton Antunes defendia o cinturão dos meio-médios (até 77kg) e teve pela frente o experiente Rodivan Gato Guerreiro. O duelo começou bastante equilibrado e na trocação franca, mas Vanilton pressionou o adversário e quando conseguiu colocar o confronto para o chão encaixou um belo mata-leão para dar números finais ao duelo e se manter no posto de campeão.
“Foi uma luta positiva, fiz um trabalho bem feito e consegui vencer no primeiro round graças a Deus com um belo mata-leão, estou muito feliz pela minha vitória. Foi uma honra poder manter meu cinturão. Estou muito feliz pela vitória e por ter feito bem meu trabalho e assim vai ser por muito tempo, agora vamos em busca de vôos maiores”, comemorou.

Aldo Pereira nocauteia Paulo César Índio e é campeão dos leves
No co-evento estava em jogo o título do peso-leve (até 70kg) e o duelo foi digno de uma disputa de cinturão. Aldo Pereira e Paulo César Índio fizeram uma luta bastante movimentada com os dois lutadores alternando bons momentos, levantando o público, mas no quinto round Aldo pressionou e nocauteou o adversário após uma bela sequência de socos.
“Primeiramente quero agradecer a Deus, meus mestres que confiaram em mim e fizeram um excelente trabalho, também quero agradecer a minha família por tudo. Foi um combate muito duro, com um cara duro e fui premiado no quinto round com a vitória por nocaute. Agora é curtir esse cinturão com a minha equipe, minha família, dar uma descansada e vamos ver quem o Claudinho vai colocar pela frente, para eu defender meu cinturão, mas agora só quero descansar, pois minha preparação foi árdua, mas graças a Deus a vitória veio e só tenho que agradecer a ele”, disse.

Jeferson Mão de Pedra nocauteia Ugo Monstro no melhor combate da noite
O duelo Jeferson Mão de Pedra entre Ugo Monstro era bastante esperado pelo público devido a uma grande rivalidade local. A luta foi marcada pela trocação franca e a cada golpe a galera ia ao delírio. Os dois atletas alternando bons momentos, onde ambos tiveram a chance de nocautear. Mas foi a mão de Jeferson que entrou mais forte e no segundo round, ao aplicar alguns knockdows, conseguiu o nocaute após uma boa sequência de golpes que levou sua torcida ao delírio.

Outros destaques do Favela Kombat 30
Além das disputas de cinturão e da super luta, o Favela Kombat 30 contou com mais 13 combates e um dos principais destaques foi o nocaute relâmpago de Kaique Monstro sobre Hugo Lessa, que precisou de apenas 32 segundos para resolver a luta e levar a vitória para casa. Outro destaque da noite foi a vitória de Charles Lee sobre Yure “O Espartano”. Os dois atletas travaram um combate equilibrado, com Charles usando bem seu arsenal de chutes até que no início do terceiro round um deles entrou no rosto do adversário que caiu apagado.
No duelo feminino da noite, Vanessa Gonçalves levou a melhor sobre Janaina Soares Jay num combate que a atleta da Time to Fight foi superior a luta inteira. No segundo assalto após levar fortes golpes, Janaína ficou bastante ferida e no intervalo do segundo para o terceiro round os médicos examinaram e não deixaram a lutadora voltar para o confronto.
As finalizações da noite vieram com Marcos Vinicius Sorriso, que apesar de sua habilidade na trocação, surpreendeu e encaixou um mata-leão para finalizar Elias Cachorro Louco. Com o mesmo golpe Rodrigo Kamikaze obrigou Jhonatan Assis a dar os três tapinhas de desistência. A outra finalização veio no duelo amador onde Gabriel Souza encaixou um armlock para vencer Thiago da Silva.
O Favela Kombat 30 também contou com polêmica no duelo entre Felipe Playboy e Douglas Gladiador, já que na decisão dos árbitros os dois atletas empataram, mas como Douglas não bateu peso perdeu um ponto, com isso Playboy se sagrou vencedor, causando indignação de Gladiador e sua torcida. Além das lutas de MMA, o evento também contou com um confronto de Muay Thai onde Lohanna Correia levou a melhor sobre Yarmiin Ribeiro e abrindo a noite, Nicolas Nico e Pedro Henrique fizeram um duelo infantil.

Confira os resultados do Favela Kombat 30

Disputas de cinturão

  • Até 77kg – Vanilton Antunes (RMT) venceu Rodivan Gato Guerreiro (Team Nogueira CG) por finalização (mata-leão) aos 2:00 do primeiro round
  • Até 70kg – Aldo Pereira (Brothers MMA) venceu Paulo César Índio (Rio Fighters) por nocaute (socos) aos 1:55 do quinto round

MMA

  • Até 77kg – Jeferson Mão de Pedra (BTF) venceu Ugo Monstro (RMT) por nocaute (socos) aos 1:30 do segundo round
  • Até 77kg – Uemerson King (Inmortal/BTT) venceu Delmar Silva Dell (BCT) por decisão unânime
  • Até 77kg – Kaique Monstro (Charlie Brown Team) venceu Hugo Lessa (StudioX Team) por nocaute técnico (socos) aos 32 segundos do primeiro round
  • Até 77kg – Júnior Marques (Império) venceu Jeferson Blindado (LG Combat) por finalização (mata-leão) aos 1:55 do primeiro round
  • Até 66kg – Marcos Vinícius Sorriso (PRVT) venceu Elias Cachorro Louco (Careca MMA Team) por finalização (mata-leão) aos 3:14 do segundo round
  • Até 57kg – Rodrigo Kamikaze (Nova Era) venceu Jhonatan Assis (Team Denison Silva) por finalização (mata-leão) a 1:39 do primeiro round
  • Até 57kg – Felipe Playboy (RMT) venceu Douglas Gladiador (Team Denison Silva) por decisão majoritária
  • Até 70kg – Albert Maldito (Equipe Robério Souza) venceu Thiago Assis (Team Dedé Iron Man/DFT) por nocaute técnico (desistência) aos 3:46 do segundo round
  • Até 70kg – Jonas Souza (Arena Champs) venceu Eddie Pedra (Atak Pit Bull) por finalização (mata-leão) aos 4:11 do primeiro round
  • Até 69kg (peso combinado) – Zé Delano (BTT) venceu Patrick Oliveira (TFT) por decisão unânime
  • Até 61kg – Charles Lee (Arena Champs) venceu Yure “O Espartano” (Perfct Team) por nocaute (chute) aos 21 segundos do terceiro round
  • Até 48kg – Vanessa Gonçalves (Time To Fight) venceu Janaina Soares Jay (Scorpion Fight Team) por nocaute técnico (interrupção médica) aos 5:00 do segundo round

MMA Amador

  • Até 70kg – Gabriel Souza (Gazé Team/ Rabicó Jiu Jitsu) venceu Thiago da Silva (CT Fernando Negão) por finalização (armlock) aos 2:09 no primeiro round

Muay Thai

  • Até 65kg – Lohanna Correia (Nova Era) venceu Yarmiin Ribeiro (Geração Forte) por decisão unânime

Luta de abertura Muay Thai infantil

  • Nicolas Nico e Pedro Henrique empataram
  • World Tatami
  • Pro Fight MMA Brasil 41
  • Polvo Team Fight Club
  • TV Pegada