NP Fight 7

Publicado em 18/09/2017
Imagem do Artigo NP Fight 7

No aguardado duelo do main event do NP FIGHT 7, melhor para Wilson Salazar, que entrou no octógono representando a equipe GB Jardim América, e derrotou Hélio “Pezim” (União Kung Fu), neste sábado, em Goiânia.
O confronto valendo o cinturão interino na categoria dos 70 kg da organização NP FIGHT BRASIL MMA estava bastante equilibrado, até que aos 2’15’’ do segundo round, Salazar conseguiu encaixar um triângulo em “Pezim”, garantiu a vitória e a cinta interina da divisão dos leves. 

Rafael Celestino fez sua primeira defesa de título, e levou a melhor contra o desafiante Eder “Bahiano” 
Em um confronto disputadíssimo que agitou a galera que lotou o Ginásio do Balneário na capital, Eder “Bahiano” (NewLevel) sucumbiu à força do adversário, que havia frisado em entrevista o respeito pelo atleta desafiante, contudo, afirmou que voltaria para Brasília levando a cinta. 

Karol Piret (Wk Falcão) travou o combate mais duro de sua, muito bem sucedida, trajetória nas artes marcais. A beldade do Muay Thai do Centro-Oeste enfrentou ninguém menos que Amanda Patrícia (CTC Centro de Treinamento Alex Cobra), a fortíssima atleta santista. Foram cinco rounds da mais pura técnica e precisão da arte das oito armas dentro do octógono do NP FIGHT. Ao final, Karol Piret emplaca sua décima sétima vitória na carreira, permanecendo ainda invicta, agora também como detentora do título feminino até 57 kg do NP FIGHT BRASIL, por decisão unânime dos juízes.

NP Fight 7
Data: 16 de Setembro 2017
Local: Ginásio do Jardim Balneário Meia Ponte
Goiânia- Goiás- Brasil

  • Wilson Salazar venceu Hélio “Pezim”, aos 2’15’’do segundo round por finalização: Triângulo;
  • Rafal Celestino venceu Eder “Bahiano”, aos 4’49’’do segundo round por nocaute técnico;
  • Karol Piret venceu Amanda Patrícia, por decisão unânime dos juízes; (Disputa de Cinturão Muay-Thai)
  • Mayra Cantuária venceu Amanda “Leão”, aos 0’53’’do segundo round por nocaute;
  • Glaiston Silva venceu Rômulo “Fenix” por decisão dividida dos juízes;
  • Marivaldo Santos venceu Heber “Saci”, por decisão unânime dos juízes; (Super Fight Muay-Thai)
  • Wagner Aranha venceu Natanael Dias, aos 4’33’’ do segundo round por nocaute técnico;
  • João Camilo venceu Lucas Moura, aos 3’21’’ do primeiro round por finalização:Guilhotina;
  • Alfredo “Mad Dog” venceu Danilo Faster aos 0’25’, do primeiro round por desistência do adversário (lesão pé);
  • Eduardo Teles, venceu Cleibison “Jacaré”, aos 2’30’’ do terceiro round por nocaute técnico;
  • Ruan de Almeida venceu Leandro Souza, 2’17’’ do segundo round finalização: Mata Leão;
  • Alessandro Felipe venceu Gilvan Alves , aos 2’03’’ do segundo round por nocaute técnico;
  • Jean “Marinheiro” venceu Márcio “Samurai”, aos 1’24” do segundo round por finalização: chave de braço;
  • Wério Jânio venceu Wosley “Skate”, aos 4’44” do primeiro round por finalização: guilhotina.

Foto: Matheus Medeiros

  • Anuncie
  • Arte, criação e comunicação
  • TV Pegada