Lucas Mineiro dispara: “O Jeremy Stephens ficou com medo de lutar comigo”

Publicado em 11/09/2014
Imagem do Artigo Lucas Mineiro dispara: “O Jeremy Stephens ficou com medo de lutar comigo”

Após norte-americano não aceitar o combate, brasileiro garante que, vencendo Darren Elkins, novo adversário, irá desafiá-lo novamente para um confronto
A negativa de Jeremy Stephens em encarar Lucas Mineiro, no UFC 179, no Rio de Janeiro, no dia 25 de outubro, irritou o atleta da Chute Boxe Diego Lima e sua equipe. Para o brasileiro, o norte-americano ficou com medo de encará-lo e usou a desculpa de estar melhor ranqueado entre os pesos-penas (até 66,1kg), para evitar o combate. Mineiro foi mantido no card e agora irá enfrentar o também americano Darren Elkins, que aparece entre os melhores da categoria, assim como o rival original. O Ultimate oficializou o confronto nesta segunda-feira, dia 8 de setembro.
Lucas Mineiro atualmente está fora do Top 15, mas uma vitória sobre Darren Elkins, num card como o do Maracanãzinho, tem grandes chances de fazê-lo entrar na lista. Jeremy Stephens é o 11º, enquanto Darren Elkins aparece duas posições atrás, e isso surge como motivação a mais para o brasileiro, que quer vencer e desafiar Jeremy. Lucas vem de três vitórias consecutivas na organização, mantendo um cartel de 15 triunfos e apenas uma derrota, enquanto o norte-americano soma recorde de 23-10, tendo perdido em sua última luta para Cub Swanson, no evento principal do UFC FIght Night 44, em junho. Já Elkins, por sua vez, foi derrotado justamente por Stephens, em sua última apresentação, em janeiro deste ano, e conta com um cartel de 17 vitórias e quatro derrotas no MMA.

"Jeremy disse que sou um atleta muito fraco no UFC. Na verdade, ficou com medo de me enfrentar", dispara Lucas Mineiro, projetando um confronto no futuro. "Ele pode correr, mas não pode se esconder. Ainda vamos nos encontrar na organização. Não entendi por que não quis lutar. Me menosprezou. Mas está tudo bem. Querendo ou não, um dia vamos nos encontrar. Em cima do octógono, vencendo o Elkins, vou desafiá-lo. Falar: ‘meu amigo, você não sabia quem eu era, então, prazer, meu nome é Lucas e quero você aqui me enfrentando’".

Respeito ao novo adversário
Apesar de ter se irritado com a recusa de Jeremy Stephens de lutar no UFC Rio, Lucas Mineiro, faz questão de ressaltar as dificuldades que terá no novo confronto, diante de Darren Elkins. Para o atleta de 24 anos, o norte-americano tem um estilo diferente do antigo adversário, mas, mesmo assim, não irá alterar seu jogo dentro do octógono.

"Elkins é um cara duro e experiente. Ele é do wrestling e vai tentar me colocar para baixo sempre. Não foge à origem. Mas vou andar para frente", comenta, explicando como tentará neutralizar o rival: "Treino wrestling todo dia. Estou acostumado a defender queda e procurar nocaute. Isso não é segredo para ninguém, que essa é minha estratégia de jogo. Além de tudo, estou duro no jiu-jitsu e com boxe afiado. Na hora que esquenta a luta, vamos para onde sabemos nos virar. Será um embate duro, mas bom para mim. Pode me colocar entre os Top 15, até Top 10 da categoria", prevê.

Fonte: Garra Comunicação / Foto: Divulgação

  • Pro Fight MMA Brasil 41
  • TV Pegada
  • World Tatami
  • Polvo Team Fight Club